Eu e Holden

Com pelo menos 18 anos de atraso, estou lendo “O Apanhador no Campo de Centeio”. Por mais que eu já tenha dito que a leitura veio tarde demais e que isso estragou toda a graça ou que não tenha me identificado com o narrador, é mentira. Acho que agora, de certa maneira, eu sou Holden Caulfield – meio bipolar.

* * *

Uma coisa que tem me irritado muito é que Chicago é conhecida como second city, por ser a segunda maior cidade americana depois de Nova York. Acontece que Los Angeles cresceu demais e hoje é a segunda maior cidade. Ainda assim, old Chicago continua sendo chamada de second city. It makes me really sore.

* * *

O tempo virou por aqui. Ainda estamos no começo, por assim dizer, do outono e faz um frio do cão, chove fino, venta. E eu sei que preciso comprar roupas adequadas, mas sei que a coisa ainda vai piorar muito e que provavelmente o que eu escolher agora não vai servir pra mais tarde. Então, fico deprimida demais e resolvo não fazer nada.

* * *

Mas tem uma coisa que me deixa muito feliz, e são as pessoas daqui. Hoje eu fui a uma loja cafona e phony comprar um varal e uns cabides. Quando eu estava deixando aquele lugar fétido, vi que o meu ônibus estava parado no ponto. Corri, acenei pro motorista me esperar. Ele não viu e começou a sair. Do outro lado da calçada, um homem viu meu esforço e resolveu sair gritando atrás do ônibus like a madman tentando segurá-lo. Também não conseguiu. Mas a generosidade dele, desse homem, acabou comigo. A generosidade humana derrete o meu coração. It kills me!

* * *

Outra coisa que me deixa muito animada é que amanhã é sexta-feira e eu pretendo ter one helluva time com meu marido semi-livre de sua escravidão estudantil no fim de semana.

Holden e seu chapeuzinho de caçador, último grito contra a friaca chicagoana

Esta entrada foi publicada em outubro 20, 2011 às 6:19 pm e está arquivada sob Chicago, Neurose. Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

3 opiniões sobre “Eu e Holden

  1. Caroline em disse:

    Flor, compres roupas de frio! Sentir frio é uma das piores coisas do mundo. E o fato de sabermos que vamos passar frio dá uma mega preguiça de sair de casa… O apanhador no campo de centeio… é bacana, né? Também li “depois da idade” e também gostei mesmo assim. Te cuides aí, compres uns casacos bem legais, gorros, cachecóis e luvas (fundamentais!!) e tentes te divertir com o estilo “boneca neve”.😉
    Beijos!

  2. Luciana em disse:

    Adorei o post! Assim como adorei o livro, o primeiro que li em inglês, ano passado, também um pouco atrasada, mas acho que nunca é tarde para ler aquele “sonuvabitch”!
    Stay warm!

  3. Arnaldo em disse:

    Belle, confesso que li esse livro muito fora de época também e achei o Caulfield um menino tonto. Não vi graça nenhuma. Mas acho se tivesse lido aos 15, minha vida teria completamente🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: