O frio é truque

Vai pra Chicago? Você vai adorar. A cidade é linda. Tanta cultura! Tem pra todos os gostos, muita arte, música, gastronomia, muita arquitetura! Mas, ó, se prepara, é um friiiioo…

Cidadão Kane. Certa hora, um personagem vira pra ele e diz: “Quero ir trabalhar no seu jornal de Chicago!” Ao que ele responde: “Você não vai, vai odiar, é muito frio!”

E isso se repete umas 400 vezes até que você se convence de que será O terror. Vai ser difícil, vai ter que gastar US$ 1 mil no casaco mais tecnológico possível que vai ser sua armadura inseparável, comprar o despertador que emite luz meia hora antes de você acordar, pra ajudar a reduzir a depressão de inverno, a winter blues, entre vários e vários outros artifícios.

Mas aí você vai lá em agosto pra morar dois anos. Chega, um calor danado e tudo verde, muito verde. Chega logo num sábado, vai ao parque, as crianças brincam em fontes-esculturas de água. É tudo lindo. Todo mundo na rua, animação total. E as pessoas são muito gentis. De uma gentileza que só mesmo sendo muito feliz pra ter. E o que você pensa? Que esse negócio aí desse frio só pode ser balela. Balela pura!

Mas não pode. Porque seria gente demais mentindo a mesma mentira. Convenhamos, não é assim que funciona, né?

Deve ser uma coisa muito maior. Uma estratégia de governo pra conter o tamanho da cidade. O lugar é incrível e, se todo mundo vier pra cá, vai estragar. Vamos ficar nos nossos 2,7 milhões de habitantes mesmo que é melhor. Para isso, lá pela época da fundação da cidade, em 1833, foi fechada uma parceria com o pessoal do MIT, bem aqui, até pertinho de avião. A ideia era fazer algo ao clima, para que ficasse pertíssimo do insuportável. De acordo com fontes próximas ao instituto e ao governo que pediram para não serem identificadas, o resultado foi a alteração conhecida hoje como o “vento encanado do Polo Norte”, corresponsável por um dos invernos mais rigorosos dos Estados Unidos da América.

Tá vendo, minha gente, esse frio todo é truque!

Este post foi publicado em agosto 15, 2011 às 6:50 pm. Ele está arquivado em Chicago, Neurose e marcado . Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

18 opiniões sobre “O frio é truque

  1. ligiadiniz em disse:

    Essa foto tá de-mais.

  2. Belle Époque de mon cœur, vai tomar banho nos sprinkles junto c’as criança tudo a-go-ra, senão no inverno vc vai se arrepender de não tê-lo feito. E viva o verão do hemisfério norte!

  3. Bem-vinda! Aí em Novembro, quando estiver tudo gelado, você me visita no Pântano.

  4. Iris Jonck em disse:

    Venha o que vier, o começo dá o tom!!!!!!! Aproveitem!!!!!!!!!!

  5. Luiz S. em disse:

    E depois dizem que o aquecimento global não existe. Aproveita, Belle, e vamos torcer para a onda de calor adentrar o máximo possível no inverno!

  6. bobbie em disse:

    vamos congelar juntinhas já já! oba!

  7. Já gostei!

  8. coisa boa poder ter notícias nesse novo canal, hein? adorei! feliz também por saber da recepção calorosa que vocês tiveram.

  9. Nicole em disse:

    Estou pensando em vocês desde sábado e muito feliz que tudo esteja assim, warm & happy.
    Beijos, espero que o blog prossiga mesmo quando rolarem os winter blues.

  10. Arnaldo em disse:

    Belle, belíssimo começo de blog e melhores vibrações, impossível. Um das coisas mais bacanas na temporada no exterior foi ter uma pagineta web pra falar aleatoriamente da vida. Então não pare de “nos” atualizar nunca! Beijo grande e um forte aperto de mão pro Chico (que esse lance de mão frôxa e de muitos abraços, sabe como é, né…..) :))

  11. Bellezinha, o “belleepoque” ficou ótimo. Se frio matasse não existiria vida na Sibéria, na Groenlândia, e muito menos no Alaska. Esquimós somos nós. Rimou.
    Já to com saudades.
    beijo
    BV

  12. Laures em disse:

    aqui é a mesma coisa: todo mundo feliz, na rua, aproveitando o sol… quero só ver no inverno!

  13. Yuhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu! A Belle tem um blog! A Belle tem um blog! A Belle tem um blog! YEAH! YAU! Auuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu.

  14. Genial. Mas o título certo seria: “O frio é frescagem”.

  15. Antonio Capone Prata em disse:

    Não sei se a minha estratégia vai ser entrar todo dia nesse blog ou nunca mais entrar, pra ler tudo de uma vez só, quando o livro estiver pronto. Demais, Belle! E fique tranquila porque, com a crise, eles vão cortar as verbas do frio encanado.

  16. Pingback: Cinco meses « Is a Belle Époque

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: